Este Website usa cookies.

Para as nossas Websites e nossa loja Online usamos cookies tecnicamente necessários, e cookies que necessitamos para podermos processar as suas consultas. Além desses, usamos os chamados tracking-cookies. Com ajuda destes, podemos otimizar nossa apresentação Online e assim, oferecer-lhe ainda mais emoções na sua utilização. ...

Demais informações poderá encontrar na nossa Declaração de proteção de dados. Declaração de proteção de dados

Cookies funcionais

Estes cookies são essenciais para se poder utilizar todas as funções dos Websites da GEMÜ, e portanto, são pré-configurados não podendo ser desativados. Se necessário, poderá contornar isto, mudando as configurações no seu browser.

Cookies de análise do Web

Aqui poderá decidir, se um determinado cookie de análise do Web poderá ser guardado no seu browser para possibilitar ao operador do Website a registrar e analisar diversos dados de estatística. Caso concorda com esta opção, clique no seguinte Link para guardar o cookie Piwik de desativação no seu Browser.

De momento, a GEMÜ não tem a possibilidade de oferecer configurações para vários browseres ou que abrangem as contas dos usuários. Além disso, e consoante suas configurações de segurança no browser, tem a possibilidade de definir a que os cookies autorizados pela GEMÜ sejam deletados quando fechar o browser, não estando mais disponíveis na próxima sessão no site. Assim que fechar ou mudar o browser, ou quando usar vários computadores, deverá proceder a algumas adaptações ou, se necessário, definir novamente.

Controlled process reliability: GEMÜ SUMONDO

Controlled process reliability: GEMÜ SUMONDO

As the world's first single-use diaphragm valve, the GEMÜ SUMONDO represents the long-awaited paradigm shift in single-use technology: From manual systems to automation-capable and controllable plants for faultless operation and continual documentation by the plant monitoring system. The major advantage of GEMÜ SUMONDO in comparison with conventional pinch valves lies in the exact controllability of processes. Using a tried and tested actuator design from conventional plant engineering, the actuator can also transmit feedback to the plant monitoring system as required to ensure complete monitoring of the controlled system. This means that, in particular, pharmaceutical processes can be more easily documented, reproduced and validated. The increased levels of automation also mean that the systems are less susceptible to faults. The animation shows how the single-use valve body can be easily replaced with a badge. In this case, the actuator remains in the plant and is connected to a new gamma-sterilized body.