Nos sites da GEMÜ são utilizados cookies. Ao utilizar o site, está a consentir a utilização dos cookies. Para proceder a configurações pessoais, clique aqui.

GEMÜ 800

Rotâmetro (principio de área variável)

  • Descrição
  • Características
  • Detalhes técnicos

O medidor de vazão GEMÜ 800 funciona pelo princípio de área variável e possui um tubo de medição transparente. A escala impressa sobre o tubo de medição foi definida de acordo com o respectivo fluido de operação. Réguas, tipo andorinha, injetadas servem para a instalação de indicadores de valores nominais, dispositivos de valores limites e sinalizadores.

  • Alta precisão de medição, operação simples
  • Corpo de plástico resistente a corrosões
  • Boa leitura através escalas grandes e bem visíveis
  • Versão ATEX disponível como opção
  • Há mais de 500 escalas padronizadas e mais de 13.000 escalas especiais, e outros escalonamentos poderão ser fornecidos a qualquer momento
  • Conexão: Bico; Rosca externa (macho)
  • Atuador: sem atuador
  • ATEX
  • Princípio de funcionamento dos medidores de vazão: Princípio de área variável
  • Proteção contra explosão
  • Material do corpo: PA; PSU; PVC-U
  • Pressão máx. de operação: 15 bar
  • Temperatura máx. do fluido: 120 °C
  • Temperatura mín. do fluido: -20 °C
  • Diâmetros nominais: DN 20 (3/4''); DN 25 (1''); DN 32 (1 1/4''); DN 40 (1 1/2''); DN 50 (2''); DN 65 (2 1/2'')
  • SCHWEBEKOERPERWERKSTOFF
Gravel filtration plant and ion exchangers for treatment of waste water from electroplating plants

Aplicações do produto

Sistema de filtração de saibro e trocador iônico para o tratamento de esgoto na galvanoplastia

​O revestimento superficial de metal de peças e objetos serve principalmente como proteção contra corrosões e desgastes. Porém, este revestimento também permite determinadas características funcionais, como, por exemplo, a condutibilidade elétrica, ou então, serve para a produção de boas superfícies visuais. Para tal, as peças no sistema de galvanoplastia são mergulhadas em diversos banhos de processos, divididos em pré-tratamento, metalização e pós-tratamento. Nas indústrias de galvanização são frequentemente utilizados trocadores iônicos, a fim de preparar a água não tratada para a produção, ou para ligar substâncias que se encontram nas águas de lavagem, e realimentar a água limpa no processo. Mesmo no tratamento de esgotos, os trocadores iônicos podem ser usados como etapa final de limpeza, antes do esgoto transformado em água limpa, poder ser conduzido à canalização local.